terça-feira, 11 de julho de 2017

RESENHA: THE PRINCESS WEIYOUNG (CDRAMA)


The Princess Weiyoung || China || Drama, Romance, Época || Dragon TV e Beijing TV || 54 episódios || 2016 || Cast Principal: Tiffany Tang Luo Jin Vanness Wu Mao Xiaotong Li Xinai || Assista: Dramafever e Dramas Lovers (projeto nosso) || Trailer || Nota: 5/5 (Favorito) 

SINOPSE: Feng Xin Er é um princesa que rouba a identidade da filha de seu maior inimigo.



Não posso começar essa resenha sem desejar pra todo mundo um feliz ano novo! Já entramos em 2017 com tudo e espero que esse ano tenha muitos dramas para surtarmos!! É por isso que a primeira resenha de 2017 será muito especial, sobre um drama que me arrancou suspiros e foi uma enorme surpresa! E faz um tempinho que não trago um drama chinês, não é? Estou muito animada para falar de Weiyoung e espero, de coração, que gostem... Ah, e que o número de eps não assuste! rs. Também não me jogo facilmente em um drama com mais de 25 eps, maaas, ainda bem que as meninas do grupo do whats ficaram me enchendo para assistir! Sou muito grata a elas, afinal não me arrependi nada nada e olha que custei para começar rs. Foi meu primeiro drama épico chinês e não poderia ter sido melhor!! Estou in love!! 




Uma coisa complicada de se fazer na resenha desse drama é não surtar e não soltar muito spoiler, mas tentarei, prometo rs. Bem, vocês leram a sinopse? Eu resumi bastante a base da trama e acho que ali ficou bem claro que se trata sobre vingança, correto? E esse gênero normalmente pode trazer muita tensão, suspense e surtos! Pois é o caso desse drama!



Explicando brevemente: Xin Er é uma princesa que nasceu com o destino de se tornar Imperatriz. Infelizmente, um dia, ela vê seu próprio pai ser incriminado e morto por uma traição que não cometeu. Ao fugir, Xin Er encontra WeiYoung, filha do Primeiro Ministro, e que mora afastada, na floresta. Elas viram amigas, mas a WeiYoung é assassinada. Assim, Xin Er assume sua identidade e é levada para morar na casa do Primeiro Ministro. O mais "engraçado" do drama é que o filho e sobrinho dele foram os responsáveis pela morte da família da Xin Er (irei tratá-la como WeiYoung a partir de agora tá?). Por isso, a prota acaba planejando vingança contra a sua nova família. 



Nessa casa moram:

O Primeiro Ministro.
A esposa malígna dele, a Chiyun Rou.
A mãe do Primeiro Ministro.
A primeira filha do Primeiro Ministro com a Chiyun Rou, a Chang Le.
O primeiro filho do Primeiro Ministro com a Chiyun Rou, o Li Min Feng (um dos culpados pela tragédia).
WeiYoung, a filha bastarda do Primeiro Ministro com uma criada.
Chang Ru e Chang Xi são irmãs, filhas do irmão falecido do Primeiro Ministro.
Le Min De é o filho adotivo, também sobrinho do Primeiro Ministro.



Já deu pra imaginar as tretas, certo? E é lá dentro desse "novo lar" que a WeiYoung começa a planejar sua vingança mas, antes de conseguir, ela tem que tentar permanecer viva, pois Chiyun Rou quer matá-la. Mas por que? Como eu disse, Xin Er tem o destino da Imperatriz e, depois de se tornar WeiYoung, a Chiyun Rou fica sabendo sobre isso por um mestre taoísta. Isso faz com que a vilania tenha medo de que a prota atrapalhe o futuro "brilhante" que planejou pra sua filha Chang Le.  




A Chang Le (essa coisada ai em cima) é a típica garota metida, que se acha a bonitona e o último tic tac do pote, e que, infelizmente, também é apaixonada pelo prota. Ela e a mãe vão armar as piores armadilhas para se livrarem da WeiYoung. Vou falar... não era brincadeira não!! Muitas vezes achei que a prota não conseguiria escapar da morte, por mais que ainda tivessem vários eps pela frente rs. Ela passava por humilhações, preconceitos, vergonha, situações horríveis, mas, ainda assim, saia com a cabeça erguida!


 

Ainda bem que, nessa luta, a WeiYoung não ganhou só inimigos, mas amigos. Principalmente por sua personalidade bondosa. Primeiro, ela consegue um grande aliado, que é seu "primo", o Li Min De. Um jovem que aparentemente infantil, mas na verdade é inteligente e estratégico. Ele e a WeiYoung "brigam" muito no começo, mas ele logo se apaixona por ela, se tornando um ótimo aliado e amigo. Eu amei esse personagem de todo o coração!



Outra pessoa importante é a criada da WeiYoung, a fofa da Bai Zhi. Apesar de não ter poder ou influência, ela luta pela "sua senhora" com unhas e dentes, nunca desistindo de protegê-la. Ambas são como irmãs, uma amizade muito forte! Bai Zhi era um doce e amava a WeiYoung. Mas o mais importante, aquele que não podemos deixar de lado, o lindão do drama, aliado mais importante e sósia do Shang (de Mulan): o príncipe Tuoba Jun (neto do Imperador). O que é esse homem, senhor? Além de lindo e corajoso, ele é simpático, engraçado e fofo!



O mais emocionante da trama é que ele quem vai atrás do seu amor pela WeiYoung. É assim: eles se conhecem depois que Tuoba Jun a salva duas vezes, e eles começam a se aproximar e se apaixonar. Porém, certo tempo depois, WeiYoung se afasta por pensar que o Imperador feriu sua família de propósito. E claro, tem todo aquele clichê de amor proibido, resultado de: "não posso amar um familiar do homem que matou minha família". Mas, Tuoba Jun é determinado, fica ao lado dela e SEMPRE a protege. Tudo isso faz com que o drama tenha aquele romance fofo e impossível de não shippar! O cara é perfeito, sinceramente, e ambos combinam muito! Pra quem não sabe, os atores realmente estão juntos e poxa, nada mais lindo! <3 rs. Foram tantas cenas shippáveis que não consigo nem contar nos dedos! Eles realmente tem uma química explosiva!  



Claro que o romance não é exclusividade dos protagonistas. Temos outros casais, mas o meu ship supremo foi Li Min De e a princesa! Que lindos! A princesa, tia novinha do Tuoba Jun, se veste de homem para provocá-lo e eles acabam se conhecendo. Min De tem vários encontros para ensinar "o príncipe" (na verdade, princesa) a atirar. Não deu para evitar shippar! Eles eram tão liiindos! Brigavam muito, mas era perceptível os sentimentos crescendo aos poucos. Amo!



Voltando pra história, sabemos que a trama não é só isso. Estamos falando de 54 eps de 40 minutos cada, onde toda hora acontece algo diferente. E é claro que questões políticas entram no meio. Primeiro, Tuoba Jun é filho do príncipe herdeiro que também foi acusado injustamente e morreu. Ele tenta de tudo para provar a inocência do pai e encontrar o verdadeiro culpado, mas seus tios (filhos do Imperador) vão fazer de tudo para prejudicá-lo e impedí-lo de descobrir a verdade e tomar o trono. 





São vários personagens, muitos acontecimentos, então acho que não posso me prolongar. Só entendam que, para buscar vingança e revelar a verdade, a WeiYoung passará por diversas dificuldades. Porém, cresce e ganha mais poder. Como ela tem o destino da Imperatriz, fica na cara quem se tornará no fim, mas qual será o caminho até lá? Vou dizer: muito, muito tenso! Temos muito sangue, tretas, armação, mas muito romance também! Eu só posso indicar fervorosamente esse drama! 



Agora, vamos lá: qual é o maior ponto positivo de The Princess Weiyoung? O roteiro. O roteiro não te enrola, não cai na mesmice e mantem o ritmo. Já no primeiro ep ele te conquista. Não só pela simplicidade de cenas mais "calmas", mas como pela tensão das cenas mais "densas". E continua assim, sem parar. Quando você acha que não terá mais o que acontecer, você sempre se surpreende com mais problemas, mais esquemas, etc. Não se preocupe, não fica chato ou decai em momento algum!  



Outro ponto positivo muito forte: A própria protagonista. Sem brincadeira, enquanto a Soo de Scarlet Heart foi uma das que menos gostei, a Weiyoung foi uma das que mais gostei. Ela é uma versão chinesa digna da mistura entre Jang Ok Jung e a prota de Empress Ki. A mulher não engole sapo não, fala na cara mesmo e ainda desafia o inimigo sem pensar duas vezes. Por mais dramas protagonizados por mulheres assim!


A história gira em torno unicamente dela, por isso gostei tanto. Por sua força, determinação, sua paixão e sua personalidade imbatível. Quando você pensa que WeiWei vai desistir, ou ficar quieta e aceitar, ela simplesmente vira a mesa e diz o que quer. Me surpreendi várias vezes quando pensava "aah, queria tanto que a prota falasse isso ou fizesse aquilo" e ai, no fim, ela realmente fazia. Sério, só pela WeiYoung já vale a pena assistir! 


Todos os personagens são bem estruturados. Não tem um ou dois vilões, existem pessoas ruins e pessoas boas. Pessoas boas que acabam fazendo coisas ruins e pessoas ruins que acabam fazendo coisas boas. São personagens "comuns" que agem de acordo com a cena e com os acontecimentos. Por isso você se surpreende com certas pessoas que achava que era boa e outra que era ruim... mas não eram rs. Não citarei nomes, quem assistiu sabe ^^ rs.




Existem pontos negativos? Sim. Primeiro, o mandarim foi um ponto negativo pra mim. Apesar de ter assistido outros dramas chineses, ainda não estou acostumada. Também tem o fato de que, apesar da fotografia, da arte e figurino serem maravilhosos (mais um pontinho positivo!), os efeitos especiais e visuais são... péssimos rs. Bem ruinzinho mesmo, e acho que já comentei sobre isso em alguma resenha. Chega até a ter alguns pequenos "fatos" no drama que vão além da realidade (pra quem assistiu: a máscara). Ai vocês pensam: poxa, estragou o drama. No! Eu simplesmente ignorava. A trama é tão boa que esses pontos negativos se tornam praticamente insignificantes. Por isso, só posso dar nota cinco (+ o coração de favorito!) para WeiYoung. Um dos meus dramas épicos favoritos de todos os tempos! Quem diria, não?


2 comentários:

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo